João 19:31-42

Quando os soldados chegaram para quebrar as pernas dos crucificados, matando-os assim, comprovam que com Jesus essa medida é inútil, pois já estava morto. Para o malfeitor convertido, essa brutalidade significa o cumprimento da palavra do Senhor: “Hoje estarás comigo no paraíso” (Lucas 23:43). Mas um dos soldados não teme profanar, com a sua lança, o corpo do Senhor sobre a cruz (compare Zacarias 12:10). Um maravilhoso sinal de graça é a resposta a este último ultraje: o sangue da expiação e a água da purificação fluem de Seu lado traspassado.

Em seguida ocorre o sepultamento de nosso amado Salvador. Deus tem preparado dois discípulos para render ao corpo de Seu Filho as honras anunciadas pelas Escrituras: “Mas com o rico esteve na sua morte” (Isaías 53:9). Até então José e Nicodemos não haviam tido o ânimo de tomar abertamente posição a favor dEle. Porém agora, despertados pela magnitude do crime de sua nação, compreendem que se guardassem silêncio seriam culpados juntamente com os que concordaram com o que foi feito. Queridos amigos crentes, nunca nos esqueçamos de que o Mundo crucificou o nosso Senhor. Se nos colarmos ou tivermos prazer em nos identificar com os Seus assassinos, isso equivale a negá-LO. Mas agora, pelo contrário, é o momento de corajosamente nos dar a conhecer como sendo Seus discípulos.

Todo dia com Jesus

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s