Atos 1:1-14

Lucas, o inspirado autor do livro de Atos, começa seu relato com a ascensão de Jesus ao céu – apesar de já ter descrito este evento no fim de seu evangelho. Isto porque a vinda do Espírito e toda a obra – “até aos confins da terra” – dela decorrente são fatos que emanam da presença de Cristo na glória (João 16:7). Além disso, esta introdução confirma que tudo o que os apóstolos farão corresponde aos mandamentos que receberam do Senhor (v. 2 e 8) e justificará o serviço deles. E para que seus pensamentos, que ainda estavam fixos nas coisas terrenas, fossem elevados até Ele, Jesus lhes diz: “e sereis minhas testemunhas” (v. 6). Eles eram os depositários das maravilhosas verdades que diziam respeito ao Cristo: que tinha padecido e agora estava vivo (v. 3); fora elevado ao céu à vista deles (v. 9); e, segundo a infalível promessa anunciada pelos anjos, voltaria da mesma maneira (v. 11). Os discípulos deveriam anunciar estas coisas por meio do poder do Espírito Santo que em breve receberiam (v. 8).

A primeira reunião depois da ascensão do Senhor é consagrada à oração, e todos os apóstolos estão presentes. Visto que estamos chegando ao final da história da Igreja neste mundo; cuidemos de não estar ausentes naquela que pode ser a última reunião antes de Seu retorno (Hebreus 10:25)!

Todo dia com Jesus

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s