Atos 2:42-47 e 3:1-11

O capítulo 2 termina com um admirável retrato da Igreja em seus primeiros dias. Havia, como hoje, reuniões de edificação, de adoração e de oração (v. 42). Às vezes somos propensos a considerar que a vida da Igreja está restrita a isto, ao passo que ela também tem sua continuidade na casa daqueles que a compõem (v. 46). “Em cada alma havia temor”, segundo o versículo 43; isto demonstra, portanto, que a seriedade e a solenidade podem perfeitamente coexistir com a alegria descrita no versículo 46.

No capítulo 3, vemos como o poder do Espírito Santo manifesta-se não somente nas palavras dos apóstolos, mas também em suas obras.

Ao pedir esmola a Pedro e a João, o pobre coxo que estava sentado junto à “Formosa” porta do templo não podia imaginar nunca o que iria receber: uma miraculosa cura pela fé no nome de Jesus. “Mas o que eu tenho, isso te dou”, disse Pedro (v. 6). Quando se trata de dar algo, geralmente logo pensamos em dinheiro e muito raramente lembramos do inesgotável tesouro celestial, que corresponde ao conhecimento do nosso Salvador. Contudo, nós também temos o privilégio de anunciá-LO aos que nos rodeiam.

Por qual transformação passou esse pobre coxo! Até aquele momento estava junto “à porta”. Agora ele entra na presença de Deus para adorá-LO (v. 8). Será que algum dos nossos leitores ainda está “à porta”?

Todo dia com Jesus

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s